Liceu Albert Sabin - - Detalhar Notícia


Aluno do Liceu Albert Sabin conquista mais uma premiação – 28/01/2019


São 17 medalhas e 3 honras ao mérito. O aluno do Liceu Albert Sabin, Guilherme Machado, concluinte do Ensino Fundamental II em 2018, com 14 anos, vem participando de olímpiadas desde seu 5º ano, e a sua última conquista foi a medalha de bronze na OBF - Olímpiada Brasileira de Física. A final aconteceu no dia 27 de outubro, na USP de São Carlos. Foram 3 horas de prova experimental e 4 horas de prova teórica.

Estudo e determinação são características fundamentais para aqueles que querem participar e conquistar bons resultados em olímpiadas científicas, e quem realmente sabe disso é Guilherme, que reserva, todos os dias, três horas para se dedicar ao seu objetivo. Com gosto pelos desafios, ele participa de olímpiadas desde seus 10 anos e prova que o esforço nunca é em vão. “Eu comecei a disputar desde muito novo e não pretendo mais parar. As olímpiadas contribuem para o meu desenvolvimento intelectual e me colocam à frente do conhecimento”, conta Guilherme.

Seu pai muito o estimula, acompanha seus estudos de perto e vibra com as conquistas do filho. Após a medalha de ouro na Olímpiada de Informática, Guilherme levou bronze na OBF. “Ele me enche de orgulho e eu não deixo de incentivá-lo e motivá-lo. Acredito que essas provas motivam o Guilherme, e o fato de estudar profundamente determinado assunto já despertou nele verdadeira vocação para a área científico-tecnológica”, destaca Ronaldo Machado, pai de Guilherme.

O apoio da escola também é fundamental no preparo para as olímpiadas. “Todos os alunos são convidados desde muito novos, e os interessados participam de aulas extracurriculares, que aplicam conhecimentos e suas práticas mais aprofundadas dentro de cada área a ser abordada nas olímpiadas”, conta o professor Marcos Benfica.

A Olimpíada Brasileira de Física (OBF) é um programa da Sociedade Brasileira de Física (SBF), com os seguintes objetivos: - Despertar e estimular o interesse pela Física; - Proporcionar desafios aos estudantes; - Aproximar a universidade do Ensino Médio; - Identificar os estudantes talentosos em Física, preparando-os para as olimpíadas internacionais e estimulando-os a seguir carreiras científico-tecnológicas.

Segundo a diretora, professora Margaret de Oliveira Guimarães, Guilherme estuda na Escola desde a Educação Infantil, e ela se orgulha do desempenho do aluno. “Guilherme é um estudante dedicado, e prova disso são as medalhas que coleciona das olímpiadas de que participou”, finaliza.


 
 


Postada em 28/01/2019 por Lays Schiavinatto Do Nascimento


Jornalistas:
Lays Schiavinatto - MTB 76.163 / lays.nascimento@baraodemaua.br
Rogéria Gamba - MTB 52.808 / rogeriacg@baraodemaua.br


Contato Assessoria de Imprensa:
16 3968-3890